Simpatias

As simpatias estão nos costumes e tradições do povo brasileiro,
é um ritual posto em prática ...


Comidas que dão sorte

LENTILHAS: uma colher de sopa é suficiente para assegurar um ano inteiro de muita fartura à mesa. A origem desta supertição é italiana e foi trazida para o Brasil pelos imigrantes.

ROMÃS: para atrair dinheiro, coma sete partes, guardando as sementes na carteira.

BAGOS DE UVA: para os portugueses, comer 3, 7 ou a quantidade correspondente ao seu número de sorte garante prosperidade e fartura de alimentos. Para garantir também dinheiro, guarde as sementes na carteira, até a troca do próximo Ano-Novo.

CARNE DE PORCO: deve ser o prato principal da ceia, servida à meia-noite. Como o porco fuça pra frente, garante armários cheios o ano todo. Evite o peru, que cisca para trás.

NOZES, AVELÃS, CASTANHAS E TÂMARAS: estas, trazidas para cá pelos imigrantes de origem árabe, são recomendadas para garantir fartura.

A moda muda para dar sorte


CUEQUINHAS NOVAS: Dão sorte no amor, porque deixam os mal-entendidos para trás. São recomendadas principalmente para quem está começando namoro, para garantir o futuro.

ROUPA BRANCA: é um hábito relativamente recente, trazido para o Brasil com a popularização das religiões africanas. O branco representa luz, pureza, bondade.

QUALQUER PEÇA AMARELA: pode ser uma peça íntima, um lenço, uma faixa ou um pequeno lacinho amarelo (que deve ficar sempre na sua bolsa). O amarelo representa o poder do ouro e, dizem, atrai dinheiro.

UMA NOTA DE DINHEIRO DENTRO DO SAPATO: os orientais dizem que a energia entra no nosso corpo pelos pés. Vai daí, o dinheiro no sapato atrai mais e mais riquezas.

LENÇÓIS NOVOS: a dica é especial para recém-casados. Dizem que os lençóis novos, na primeira noite de ano, deixam as possíveis ameaças do ano passado na máquina de lavar.

Os cuidados com a casa

 

A dona de casa deverá limpar a casa, varrendo-a de trás para frente,
deixar o lixo fora segundo alguns; outros, mandam deitar no mar
(poluindo a natureza).

As vassouras devem ser queimadas e as cinzas enterradas.
Nada quebrado deve ser deixado na casa (jarros de planta, garrafas,
copos, pratos e espelhos).

Lavar os batentes da casa com sal grosso e água, ou água do mar.

Borrifar a casa com água-benta nos quatro cantos.
O bom mesmo é pintar toda a casa, colocar lâmpadas novas
(não deixar lâmpadas queimadas).

Verificar se os sapatos estão desemborcados e se as roupas não estão do avesso.

E as flores da casa devem ser amarelas para chamar ouro.

Tudo isto para atrair a boa sorte, os bons fluidos no Ano Novo que vai chegar.

À meia-noite, depois dos abraços

PULAR SÓ COM O PÉ DIREITO: Estarás a atrair boas coisas para a tua vida, pois, segundo a Bíblia, tudo que está à direita é bom.

JOGAR MOEDAS: da rua para dentro de casa (se moras no piso térreo melhor). Dizem que atrai riqueza.

DAR TRÊS PULINHOS: com uma taça de champanhe na mão, sem derramar uma gota. Depois, jogar todo o champanhe para trás, de uma vez só, sem olhar. Deixas para trás tudo de mau. E não te preocupes em molhar os outros: quem for atingido pelo champanhe terá sorte garantida o ano todo.

SUBIR UM DEGRAU: numa cadeira, enfim, em qualquer coisa num nível mais alto. Diz o folclore que isto dá impulso à tua vontade de subir na vida. Começa, é claro, com o pé direito.

FAZER BARULHO: é uma forma de afugentar os maus espíritos que os povos antigos praticavam. Vale apitos, batucadas, bater panelas, desde que seja exactamente à meia-noite. Dizem que não há mal que resista.

ACENDER VELAS NA PRAIA: ou jogar rosas nos espelhos de água, em intenção de Iemanjá. A deusa africana protege os seus fiéis, com saúde, amor e dinheiro o ano todo, dia o candomblé.

As portas e janelas das casas devem estar abertas, as luzes acesas. Ainda é de bom agouro ficar acordado.

Há ainda o belo costume de receber o Ano Novo com fogos de artifícios, sinos a tocar e muita música, tudo à meia-noite. Enfim os desejos, pedidos, simpatias e sonhos.

Para trazer saúde e dinheiro o ano todo

 

Para começar o ano "com o pé direito", temos de estabelecer um elo entre a nossa vontade e as altas forças cósmicas que governam o universo.

Uma forma de ter paz o ano todo, conservar a saúde boa, aumentar o dinheiro e preservar a harmonia no lar é garantida pela simpatia das três rosas brancas.

Tomamos três rosas brancas, de brancura indiscutível, e as colocamos num vaso branco ou de vidro transparente - que nunca tenha sido usado antes.

Juntamos dentro dele seis moedas e uma cebolinha.
Colocamos água e deixamos ficar assim durante sete dias.
Depois dos sete dias, trocamos a água, tiramos a cebolinha e
também trocamos as rosas. Só deixamos ficar as moedas.

Essa prática deve ser feita de sete em sete dias, de preferência às sextas-feiras, o ano todo. Quem assim agir terá paz, dinheiro, saúde e harmonia no seu lar.

Para ter dinheiro o ano inteiro

 

Com dinheiro não se encontra a felicidade, mas, por outro lado, sem o dinheiro não podemos sobreviver e terminamos por encontrar a infelicidade.

Às vezes passamos por situações difíceis que nos podem levar a ficar sem o vil metal. A saída de um emprego, o final de um negócio, uma doença em família, são factos que empobrecem aqueles que já não têm muito.

Para teres dinheiro o ano inteiro podes fazer a chamada Simpatia dos Pequenos Animais. Pegue em 21 moedas de pequeno valor.
Procura na mata um formigueiro activo, ou seja,
um formigueiro que tenha formigas indo e vindo.
Descobre de onde as formigas estão a tirar as coisas que levam para lá.
A partir deste ponto coloca as 21 moedas até a entrada do formigueiro.

Para nunca faltar dinheiro

 

Simpatia para quem quer sempre ter fartura de comida, mas principalmente, muito dinheiro na algibeira:
A pessoa compra um lenço e, na noite de 31 de dezembro, exactamente
à hora da passagem do ano, molha-o, colocando-o posteriormente a secar.

Depois recolhe-o antes do sol nascer. Amarra dentro do lenço alguns níqueis e só vai abrir o embrulho à meia-noite do outro 31 de Dezembro.
Daí para frente, nunca mais ha-de faltar dinheiro ao praticante...



Para trazer sempre muita felicidade


Em seu jardim ou quintal, plante uma muda de jasmim. E sempre que regar essa planta, fale para ela: "Meu jasmim, traga sempre as flores e o perfume da felicidade para o meu casamento".

Para manter o marido apaixonado


Na primeira sexta-feira do mês, apanhe uma cueca nova do seu marido (tem que ser nova mesmo) e use-a por um dia (como se fosse uma calcinha). No dia seguinte, lave-a com água levemente açucarada. Deixe-a secar à sombra. Assim que a cueca estiver seca, faça com que seu marido a use.

Para afastar o(a) amante dele(dela)


Em água corrente ou no mar, jogue três punhados de sal. A cada punhado de sal jogado, observando o sal desmanchar-se na água, diga: "Assim como o sal se desmancha na água, a amizade de (fale o nome do(a) marido(esposa) e de (fale o nome do(a) amante) haverá de se desmanchar."



Para não ocorrerem mais brigas

Num pedaço de papel branco, escreva o nome de seu marido e, em cima do nome dele, escreva o seu. Coloque esse papel num vidro claro. Mas preste atenção: o papel tem que ficar com as bordas para cima, encostadas nas 'paredes' do vidro. Depois, coloque nesse vidro mel de abelha até cobrir as pontas das laterais do papel, e aí diga: "Salve o povo cigano!" Por fim, tampe o vidro e o enterre no jardim de sua casa. Se não tiver jardim, enterre-o num vaso de flores e coloque esse vaso no lado esquerdo (de quem entra) da porta de entrada de sua casa.

Para não ocorrerem mais brigas


Com uma fita branca de dois metros de comprimento por dois centímetros de largura, tire as medidas dele (ou dela) quando estiver dormindo. Corte o pedaço que sobrar na medida. Faça sete nós na fita da medida, dizendo em cada nó: "Briga vai, briga vem, faça com que eu não brigue mais com o meu bem." E coloque a fita sob o travesseiro dele (ou dela). No dia seguinte, enterre a fita num lugar onde você jamais irá passar outra vez.


Simpatias para as Festas Juninas

Passe um ramo de manjericão sobre a fogueira e jogue-o sobre o telhado de sua casa.

Se na manhã seguinte ele ainda estiver verde, é sinal de casamento com pessoa jovem.

Se estiver murcho, com pessoa mais velha.

Pegue dois pedaços de carvão da fogueira de São João. À meia-noite, coloque os carvões em uma bacia com água. Se afundar o maior é porque o marido vai morrer primeiro. Afundando os dois, o casal vai morrer junto. Se os dois carvões boiarem, o casal terá vida longa. Se afundar o menor.......Aí tá frita !

- O carvão que sobra depois que a fogueira apaga adquire poderes sobrenaturais.

- Com ele, pode-se cobrir os ovos das aves para que a ninhada seja forte e saudável.

- Andar com um pedaço de carvão da fogueira no bolso traz felicidade e dinheiro o ano todo.

- Jogar na fogueira um galho de alecrim, arruda ou uma trança de alho espanta o mau-olhado.

- Os carvões que restarem podem ser enviados a parentes e amigos, pois são considerados bentos.

- Quem possuir um carvão da fogueira viverá até o próximo São João.

Se fizer isso todos os anos.....SERÁ ETERNO!

- Para obter boa colheita, prenda junto à bandeira do mastro laranjas, pencas de banana e espigas de milho, pedindo a proteção dos santos.

Que bela colheira para quem for lá bem cedinho !

- As espigas de milho que ficam no mastro são recolhidas e usadas para o plantio.

Dizem que quem achar no dia da festa uma espiga com 15 fileiras ficará rico.

Truque de fazendeiro sabido!

No dia de Santo Antonio, olhe para o céu e escolha uma estrela .

Fixe nela seu olhar e faça seu desejo com fervor.

Abra os braços e agradeça ao Universo a chegada do amor.

Assim mesmo ?....via SEDEX ?


Colocar um quartzo rosa dentro de um copo transparente com água filtrada e deixar no sereno, na véspera de Santo Antonio,
pedindo tudo que almeja para realização afetiva tipo: felicidade, respeito, harmonia, companheirismo, cumplicidade,afeto, dedicação, carinho, amor, compreensão etc.No dia seguinte, passar a água:

Nos pulsos, para se articular sempre com equilíbrio;

Nos joelhos, para ter flexibilidade e respeitar o outro;

No coração, para amar com sinceridade, e que o amor seja pleno e digno.
Faltou uma coisa !

Para Santo Antônio

 

Moças solteiras, desejosas de se casar, em várias regiões do Brasil, colocam-no de cabeça para baixo atrás da porta ou dentro do poço ou enterram-no até o pescoço.

Fazem o pedido e, enquanto não são atendidas, lá fica a imagem de cabeça para baixo.

E elas pedem:
"Meu Santo Antônio querido,
meu santo de carne e osso,
se tu não me dás marido,
não tiro você do poço."

Amarre uma fita vermelha e outra branca no braço da imagem
de Santo Antônio, fazendo a ele o pedido.

Rezar um Pai-Nosso e uma Salve-Rainha.
Pendurar a imagem de cabeça para baixo sob a cama.

Ela só deve ser desvirada quando a pessoa alcançar o pedido.


Pimenteira


A moça deve apanhar pimentas num pé de pimenteira com os olhos vendados. Caso ela colha pimenta verde, seu noivo será jovem; se for madura, o casamento será com velho ou viúvo; se a pimenta for de verde para madura, o casamento será com homem de meia-idade.

E....se fôr cor-de-rosa ?


Saber com quem vai casar

 

No dia de Santo Antônio, em cada refeição que fizer, deve deixar um pouco de comida no prato.

No final do dia, ela precisa rezar para Nossa Senhora e pedir para que o homem amado venha comer os restos

que deixou durante o dia. Depois é só adormecer, o amado aparecerá em seus sonhos comendo a comida.

ou na noite de São João, escrever o nome de quatro pretendentes em cada ponta do lençol e dar um nó em cada uma delas.

De manhã, o nó que estiver desmanchado tem o nome daquele com quem a pessoa vai se casar.

Não vale proteção !



Imagem do ovo


Na noite de 23 de junho, quebrar um ovo dentro de um copo e deixá-lo ao relento. Na manhã seguinte, interpretar o que está desenhado na clara: torre de igreja é casamento

(em algumas regiões do Brasil)

ou ingresso na vida religiosa (Maranhão);

túmulo, caixão de defunto ou rede de defunto significa morte na certa em algumas regiões;

em outras, a rede também pode ser interpretada como renda, de que é feito o véu de noiva; significa, portanto, casamento.

E se for um apito de juiz de futebol?



Na fogueira de São João


Com um papel branco à mão, coloca-se por cima da fogueira, sem queimar. Vai-se rezando uma Salve Rainha, girando o papel e a fumaça vai fazendo um desenho, cuja figura é o rosto do homem com quem vai se casar.

Pelo jeito esta só serve pra mulher !



Sabedoria de bananeira

Na noite de São João, de 23 para 24, deve-se enfiar uma faca virgem (nova) na bananeira.

No dia seguinte, de manhã bem cedo, retire a faca que nela aparecerá o nome do(a) futuro(a) noivo(a).

Outra variante dessa simpatia diz que o nome do(a)

futuro(a) marido/mulher aparecerá escrito no caule da bananeira.

Alguns preferem ver o nome escrito no tronco da bananeira.

Ainda há outra variante, mais rápida: enfia-se a faca na bananeira e, ao retirá-la, você ouvirá o nome do(a)

futuro(a) companheiro(a).

Tem nego vivo aí !



Papéis mágicos


Na noite de São João, escreva em pequenos papéis o nome de vários(as) pretendentes.

Enrole-os e jogue-os em uma bacia ou copo d'água.

O papel que se desenrolar primeiro indicará o nome do(a) futuro(a) companheiro(a).

Tem uma melhor: enrole-os, jogue na privada e dê descarga.

o que sobrar, será o seu marido ou esposa!



Energia do santo


Regue as plantas antes de o Sol nascer, no dia de São João.

As plantas crescerão bem mais fortes.


Recém-nascido

 

- Recém-nascido não pode tomar banho antes do 7o dia; até então a assepsia é feita com pano úmido.
- Ao 7o dia a criança deve ficar isolada, não podendo ser vista por estranhos


Umbigo

 

- Para evitar o mal-dos-sete-dias, coloque-se fumo no umbigo da criança.
- Se o rato comer o umbigo da criança, o menino será ladrão
- umbigo de menino enterrado no hospital fará dele um médico
- dar umbigo de criança para um boi comer, torna a criança forte
- enterrar o umbigo junto ao fogão torna o filho desagarrando da mãe
- umbigo saliente corrige-se da forma como segue:
- Umbigo de menina enterrado ao pé da roseira faz com que ela se torne bonita



Contra icterícia e mau-olhado

- vestir a criança de amarelo evita icterícia e dá sorte
- banhar com três ramos de arruda protege contra mau-olhado.



Contra pipi na cama

 

- urinar em formigueiro de formiga lava-pé
- urinar na brasa
- urinar no tijolo quente.


Atrasa a fala

- criança que põe chave na boca demora a falar.



Para falar logo

- beber água em campainha de igreja, três vezes
- beber água na casca de ovo.


 

Para andar depressa

- socar com a criança no pilão três sextas-feiras seguidas. [Obs.: trata-se de uma simulação; a criança funciona como se fosse mão-de-pilão]
- cortar o medo de andar, com o machado: a criança vai dando puxada por alguém e outra pessoa [de preferência a madrinha] vai atrás com um machado, simulando machadadas em cruz nos rastinhos
- varrer o medo: a madrinha de batismo vai amparando a criança a alguém vai simulando varrer-lhe os rastos na direção da porta da cozinha; se o fizer em direção à porta da sala, a criança fica "rueira"
- passar ovo de aranha na "curva da perna" da criança: passá-lo em cruz



Para crescer

- dar de beber à criança chá de grelo de bambu.


 

Ninando nenê

- Lua, luar, toma esta criança, quando ela criar, torna me dar.


 

Para desengasgar

- soprar no rosto da criança
- virar a criança de cabeça para baixo
- soprar na moleira
- virar o tição ao contrário.


 

Combatendo soluço

- dar à criança três gotas de água fria
- colocar na testa da criança pêlo de manta molhado na saliva da mãe
- colocar na testa da criança papel de pão molhado na saliva da mãe
- beber água e jogar o resto três vezes para trás
- recitar: "soluço vai, soluço vem, soluço traz para quem não tem".


 

Contra sapinho

- passar a chave do sacrário na boca da criança: contra sapinho
- passar bicarbonato com mel na boca da criança: contra sapinho
- pôr os paninhos para secar na chaminé: contra sapinho
- banhar a criança com água fervida na panela de angu contra brotoeja.


 


 

Links:

História de M. Claros
História M. Claros

Poemas

Poemas blogs
Poema Virtual
Poetry Poem
Poesia Brasileira

Academia 11
Academia de Letras
Brasil Poesias
Brazilian Culture
Brazilian Literature

Rotary 4760 hpg
Rotary Club
Rotary Norte

Elos Clube hpg
Elos MG
Elos Clube M. Claros

Agenda
Agenda 2
Astro
Aventura 100
Balade
Banner
Biblioteca
Blog Poemas
Blue Book

Brésil Poétique
Channel 202
Charm Poem
Charme
City Links
Connecting BR
Crônicas
Culture
Cultura Virtual
Denilson Arruda

Ebooks
Ebook Wander
Emociones
Espiritismo Online
Folclore
Forest 133
Fortune
Fundação Rotária
Gold Democracy
Horizon 51
House Tree
Island 111
Links Espíritas
Links Espíritas hpg
Literature
Litoral Sol
Logos Brasil
Love
Love Ideas

Love Poems

Messages

Mensagens
Mensagens Espíritas
Mensagens p/ Lembrar
Multiply
Pensamento 11
Planalto Brasil
Poetry
Portal Dois
Portal Dois 1
Predicado
Predicado 1
Prefácios

Promenade 33
Skymaster 100
Soneto Música
Tempo Brasil
Tempo Virtual
Tempo Virtual 1
Tripod

Tropical Amazon
Wander - H
Wander - Humor